FLORES

Que os poemas escritos sejam flores
a perfumar o mundo com odor
a embelezar o mundo com suas cores
mostrando ter beleza cada cor

 

As flores não dependem de favores
que façam ressaltar que têm valor;
elas se impõem tão-só por seus primores
fiéis a como as faz o Criador

 

Que aprendam delas todos os poemas
as qualidades tridimensionais
de forma, cheiro e cor, e o se doar,

 

– também os seus fonemas musicais –
a sensibilizar, pois vale a pena
ter gosto em se doar. Isto é amar.

 

©Diógenes Pereira de Araújo. Todos os direitos reservados

 

Canção:"A Rose is still a Rose" , Aretha Franklin