Amanhecência

 


Tudo começou quando ela entendeu a qualidade da beleza dele
Era canto, correnteza,maçã do amor, lençol de linho branco
Sua única bagagem, seu sorriso de criança,

que ele leva até hoje, homem feito.

 


Tudo começou quando ele sacudiu a água dos seus cabelos molhados
, e ela ficou olhando, olhando...
tentando parecer que não via nada de sobrenatural

querendo ser racional, moderna, casual...

 


De repente, a natureza se encarregou desse casal,
ele a tocou levemente e puxou-a para si.
Ela sentiu seu cheiro de chuva , cheiro de manhã, de adormecimento

E se entregaram devagar, cintilando seda na madrugada enevoada.

 


Karla Julia

Canção:"Vambora" Adriana Calcanhoto

 
 

Jenario de Fátima

Tonho França

Valter Montani

Oswaldo Antonio Begiato

Míriam Warttusch

Armando Licurgo

Maria Lucilia Cardoso

Diógenes Pereira de Araújo

Helena Jorge

Fátima Queiroz e sua Arte Digital

Meus Artesanatos, by Karla Julia

 



 
   
 

Campo de Orquideas by Karla
Valter Poeta
Liberdade perfeita
Oswaldo Begiato
Varal da Artes
Mírian Warttusch
Clara Luz do Meu Pensar
Eternal - Fractals
Universo na Poesia
Nivaldo Tavares
Mesa de Cantos
Mil Almas Inquietas
Poeta Cards
Retalhos de Poesia
Luz de Aldebarã
Filha do Sol
Cesar Andrade
Poética Digital