Nas horas em que pareço brilhar mais do que a lua

 

 

Quando você chega finalmente
e me livra de minhas sedas...
Desapareço sob seu casaco molhado de chuva
mas seu corpo é tão quente que me aquece
de toda essa umidade que se misturou com minha louca saudade .

E seus lábios com gostinho de geléia de morango
tocam minha boca que fica com aroma de bosques e frutas
E rio, rio tanto desse encontro na chuva ...
rio desse céu gris que virou carmim
cor do meu batom, tom da minha paixão.

Com urgência você me invade
Porque só temos
A
L
G
U
M
A
S

H
O
R
A
S

De manhã ou no final do dia
e num outro dia que algum dia virá.

Enquanto juntos estamos
teu amor, veterano,
me pinta de prata e eu, meu amor
vou brilhando, vou brilhando...

Deixo a chuva pra lá,
aquecida por seu calor
que jorra, em beijos,
e milhares de dedos.

Karla Julia

 

Canção:"So Sick" Ne-Yo

 
 

Jenario de Fátima

Tonho França

Valter Montani

Oswaldo Antonio Begiato

Míriam Warttusch

Armando Licurgo

Maria Lucilia Cardoso

Diógenes Pereira de Araújo

Helena Jorge

Fátima Queiroz e sua Arte Digital

Meus Artesanatos, by Karla Julia

 



 
   
 

Campo de Orquideas by Karla
Valter Poeta
Liberdade perfeita
Oswaldo Begiato
Varal da Artes
Mírian Warttusch
Clara Luz do Meu Pensar
Eternal - Fractals
Universo na Poesia
Nivaldo Tavares
Mesa de Cantos
Mil Almas Inquietas
Poeta Cards
Retalhos de Poesia
Luz de Aldebarã
Filha do Sol
Cesar Andrade
Poética Digital