TRANSGRESSÃO


© 2006 d.yee


Dia a dia, você que abre meus caminhos com seus passos
e semeia em meu ventre sua força e doçura.

Dia a dia, você que me ouve
e espera que um dia nossa música
celebre a mágica de fazer nosso imenso arquivo
passar pelo buraco da agulha.

Dia a dia, sinto o tempo escorregando dos meus dedos
mas tua voz, que viola todas as regras de submissão
me conclama a um ato de transgressão.

Você, que me procura a cada nova hora
e me faz dormir cada dia mais cedo
a fim de esperar por uma nova aurora.

Meu febril anjo da guarda, que derrama em minha boca
nosso bento romance, com firma reconhecida no firmamento
sem juras nem promessas... concordando apenas em acordarmos juntos.

Suas mãos, BLINDANDO meu corpo,
de desejo e paixão...


Sou sua.

Karla Julia

 

Canção:”Last Tango in Paris”
Astor Piazzola, Gotan Project

 
 

Jenario de Fátima

Tonho França

Valter Montani

Oswaldo Antonio Begiato

Míriam Warttusch

Armando Licurgo

Maria Lucilia Cardoso

Diógenes Pereira de Araújo

Helena Jorge

Fátima Queiroz e sua Arte Digital

Meus Artesanatos, by Karla Julia

 



 
   
 

Campo de Orquideas by Karla
Valter Poeta
Liberdade perfeita
Oswaldo Begiato
Varal da Artes
Mírian Warttusch
Clara Luz do Meu Pensar
Eternal - Fractals
Universo na Poesia
Nivaldo Tavares
Mesa de Cantos
Mil Almas Inquietas
Poeta Cards
Retalhos de Poesia
Luz de Aldebarã
Filha do Sol
Cesar Andrade
Poética Digital